Cláudia Sampaio

Cláudia Sampaio nasceu em Lisboa em 1976. Iniciou os estudos de dança com Manuela Varella Cid em 1982. Em 1986 ingressa na Escola de Dança do Conservatório Nacional onde, em Julho de 1994, conclui o curso de bailarina. Em Outubro desse mesmo ano entra para a Escola Superior de Dança, terminando em 1997 o bacharelato na área de espetáculo. Durante a sua permanência na Escola Superior de Dança frequenta as aulas de dança clássica do Ballet Gulbenkian e da Companhia Nacional de Bailado (nesta última integrou também os ensaios do bailado “O Quebra Nozes”).
Em Fevereiro de 1997 por ocasião de uma tournée a Macau integrada no projeto “Som do Leque”, coreografia de Vasco Wellenkamp, é convidada a criar uma peça para o Conservatório de Macau.

Em 1998 integra a Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo onde permanece até outubro de 2011 ininterruptamente.Trabalhou com inúmeros mestres e coreógrafos dentro e fora da CPBC, entre eles: Vasco Wellenkamp, Jorge Salavisa, Armando Jorge, Benvindo Fonseca, Rui Pinto, Rui Lopes Graça, Francisco Camacho, Tíndaro Silvano, Marta Lapa, Gagik Ismailian, Henri Oguike, Rami Levi, Natalie Bard, Georges Garcia, Nils Christe, Florence Lambert, Rita Judas, Patrícia Henriques, Jan Linkens e Patrick Delcroix.

Durante o ano de 2003 teve a seu cargo a direção de cena de alguns dos espetáculos da CPBC.

Em Janeiro de 2008 assume os cargos de Assistente de Direção Artística, ensaiadora e professora da CPBC, cargos esses que desempenhou até ao fim da sua permanência nesta companhia.

Desde 2010 que colabora ocasionalmente com a Companhia Quorum Ballet como professora de dança clássica e ensaiadora.

Em Outubro de 2011 integra o elenco de professores da Quorum Academy, onde para além de aulas de dança clássica, exerce o cargo de ensaiadora do Projeto Quorum.

Em Julho de 2012 a convite da Associação Nós da Dança (Academia Gimnoarte), ministra um workshop de dança clássica para um nível avançado.
Ao longo do ano de 2012 foi convidada por Daniel Cardoso, Diretor Artístico do Quorum Ballet a substituí-lo como ensaiadora da companhia na sua ausência.
Em Dezembro de 2012 foi convidada por Vasco Wellenkamp, Diretor Artístico da Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo, a dar aulas e ensaios à companhia.

Ao longo do ano de 2013 manteve a sua colaboração como ensaiadora no Quorum Ballet, tanto na ausência do seu diretor como também em parceria com o mesmo.
Em Novembro de 2013 volta a ser convidada pela Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo, desta vez para assumir a direção de cena da nova peça de Vasco Wellenkamp , “Fado- Rituais e Sombras” ,estreada no Fórum Municipal Luísa Todi em Setúbal.

A partir de Maio de 2014 volta a integrar a Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo desempenhando as funções de ensaiadora e assistente do diretor artístico, Vasco Wellenkamp.
Em Outubro de 2014 estreia a sua primeira peça “PIC NIC”, encomendada pela CPBC e dirigida ao público infantil.

Em Fevereiro de 2015 desloca-se à Áustria (Ópera de Graz) para assistir Vasco Wellenkamp numa nova criação para esta companhia.
Em Junho de 2015 inicia uma colaboração com a Companhia de Dança de Évora, dirigida por Nélia Pinheiro, desempenhando as funções de ensaiadora e professora de dança clássica.

Em Janeiro de 2016, foi professora convidada da companhia Ballet Hagen na Alemanha.
Em Abril de 2016 integra o elenco de “Terra Chã” de Nélia Pinheiro.
Ainda em 2016 é convidada para integrar o projeto D.C. Companhia Jovens Bailarinos por Gonçalo Andrade (Diretor Artístico), como assistente de direção e ensaiadora.

Em Setembro de 2017 é convidada por Maria Franco, diretora da Companhia de Dança de Almada, a substituir a ensaiadora, cargo que desempenhou até Dezembro desse mesmo ano.

Em Janeiro de 2018 regressa à CPBC como ensaiadora e professora de dança clássica, acumulando entretanto os cargos de diretora de produção e direção de cena.